logo

CASO DESCARTADO

Araputanga descarta primeiro caso suspeito de varíola dos macacos


Por Redação Popular Online

img

Imagem ilustrativa. (Foto: Banco de imagens Getty)

O primeiro caso suspeito de varíola dos macacos (Monkeypox) em Araputanga (a 345 km de Cuiabá) foi descartado nesta quinta-feira, 25 de agosto, conforme dados da situação epidemiológica divulgados pela Vigilância em Saúde de Mato Grosso.

 

De acordo com informações da Secretaria Municipal de Saúde de Araputanga, o morador do município, com o caso suspeito da varíola dos macacos, encontra-se no Estado do Acre e após realizar exame teve resultado negativo para a doença.

 

O município de Comodoro também teve o seu primeiro caso suspeito descartado. As cidades de Porto Esperidião, Mirassol d’Oeste e Pontes e Lacerda estão com um caso suspeito em cada localidade. 

 

 

Sintomas

Os sintomas iniciais costumam ser: febre, dor de cabeça, dores musculares, dor nas costas, gânglios (linfonodos) inchados, calafrios e exaustão.

 

Dentro de 1 a 3 dias (às vezes mais) após o aparecimento da febre, o paciente desenvolve uma erupção cutânea, geralmente começando no rosto e se espalhando para outras partes do corpo.

Leia tambémSecretaria de Saúde irá realizar exame preventivo a partir desta quinta-feira em Araputanga

As lesões passam por cinco estágios antes de cair, segundo o Centro de Controle de Doenças (CDC) dos Estados Unidos. A doença geralmente dura de 2 a 4 semanas.

 

Como se proteger

O uso de máscaras, o distanciamento e a higienização das mãos são formas de evitar o contágio pela varíola dos macacos.

 

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) reforçou a adoção dessas medidas, frisando que elas também servem para proteger contra a Covid-19.

 

Receba notícias do portal Popular Online em tempo real no seu WhatsApp. (CLIQUE AQUI)


INADEQUADA

Sem estação de tratamento, moradores recebem água “barrenta” em Figueirópolis d’Oeste

Diversos moradores estão revoltados e indignados após o prefeito contratar uma empresa por quase R$ 18 milhões para instalação de energia solar.


“MENINA MOÇA”

Com o apoio dos parlamentares Carlos Avallone e Ulisses Ferreira, projeto social é resgatado em Araputanga

O projeto foi reiniciado após mais de 20 anos, com a aula inaugural nesta terça-feira (23), na Comunidade de Farinópolis.


CASO DE POLÍCIA

Adolescente é morta a facadas em Porto Esperidião

A morte aconteceu após o grupo suspeitar que a vítima fosse informante da polícia.

Ver mais

O que é Urgente, não pode esperar! Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba alertas de notícias.