logo

POLÍCIA

Foragido por crimes de violência doméstica e invasão de domicílio é preso pela Polícia Civil

Homem foi localizado em um escritório de advocacia na cidade de São José dos Quatro Marcos.


Por Assessoria | Polícia Civil-MT

img

Um foragido da justiça estadual foi preso nesta quinta-feira (21.03) pela Polícia Civil em São José dos Quatro Marcos. O homem de 46 anos estava com dois mandados de prisão decretados pelas Comarcas de Cáceres e de Rio Branco.

 

Ele responde por crimes relacionados à violência doméstica e familiar, violação de domicílio, ameaça e embriaguez na direção de veículo.

 

A equipe da Delegacia de São José dos Quatro Marcos localizou o foragido durante diligências realizadas em conjunto com a Delegacia de Repressão a Crimes Informáticos.

 

A Polícia Civil destaca a importância da colaboração da população no fornecimento de informações, pelo serviço de denúncias no número 197, que auxiliaram na localização e captura do foragido, encontrado em um escritório de advocacia.

 

Após o cumprimento da prisão, ele foi encaminhado à delegacia e depois à cadeia pública da região, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

 

Leia também: Moradores de Araputanga, Indiavaí e outros municípios de MT irão receber CNH de graça

 

FALE COM O POPULAR ONLINE

Para falar com a redação do Popular Online, mande uma mensagem pelo WhatsApp. Curta o nosso Facebook e siga a gente no Instagram.


INADEQUADA

Sem estação de tratamento, moradores recebem água “barrenta” em Figueirópolis d’Oeste

Diversos moradores estão revoltados e indignados após o prefeito contratar uma empresa por quase R$ 18 milhões para instalação de energia solar.


“MENINA MOÇA”

Com o apoio dos parlamentares Carlos Avallone e Ulisses Ferreira, projeto social é resgatado em Araputanga

O projeto foi reiniciado após mais de 20 anos, com a aula inaugural nesta terça-feira (23), na Comunidade de Farinópolis.


CASO DE POLÍCIA

Adolescente é morta a facadas em Porto Esperidião

A morte aconteceu após o grupo suspeitar que a vítima fosse informante da polícia.

Ver mais

O que é Urgente, não pode esperar! Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba alertas de notícias.