logo

Nacional

Governo Federal desativará postos de segurança na região da fronteira


Por RD News

Três postos de fronteira da região de Cáceres com a Bolívia serão desativados no próximo mês. Ao invés de reforçar a segurança na fronteira, o governo federal está fazendo o contrário. Está previsto o fim do destacamento de Corixa, na BR-070, em Cáceres. E também a desativação dos postos Casalvasco, em Vila Bela da Santíssima Trindade; Fortuna, em Porto Esperidião; e Guaporé, em Comodoro.

 
 Em pronunciamento da tribuna da Câmara, o ex-governador e deputado Júlio Campos afirmou que essa decisão da presidente Dilma é uma incoerência e um ato de desrespeito ao povo mato-grossense, pois deixa as fronteiras abertas. Lembra que 070 é a principal via de acesso Bolívia-Brasil por Cáceres e que é a maior rota do crime, inclusive do PCC, do tráfico de drogas, de armas e de carros roubados que entram e saem do país.
 
RD News

MATO GROSSO

Ampliado de 12 para 24 vezes o prazo para pagamento de contas de luz em atraso

A Energisa ampliou de 12 para 24 vezes o prazo para pagamento de contas de luz em atraso em Mato Grosso. A medida faz parte da segunda etapa da campanha da negociação com clientes que precisam de apoio para quitar dívidas. O parcelamento pode ser feito no cartão de crédito. Até agora mais de 62,5 mil famílias já optaram por...


HABILITAÇÃO

Prazo para regularização das CNHs vencidas desde março de 2020 continua suspenso

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT) informa que permanece suspenso, por tempo indeterminado, o prazo para a regularização das Carteiras Nacional de Habilitação (CNH) que estão vencidas desde 01 março de 2020. A suspensão do prazo para regularização do documento foi estipulada pela resolução nº 830/2021, de 12 de abril de 2021, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que continua em...


FISCALIZAÇÃO

Deputado contesta avaliação de secretário e exige qualidade em recuperação asfáltica

A obra está sendo realizada pelo Governo do Estado na região Oeste de Mato Grosso

Ver mais

O que é Urgente, não pode esperar! Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba alertas de notícias.