logo

CÂMARA MUNICIPAL DE JAURU

Lei que concedeu RGA a servidores é revogada após notificação do MPMT


Por Clênia Goreth | MP-MT

img

Imagem ilustrativa. (Foto: iStock by Getty Images)

Em atendimento à notificação recomendatória expedida pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso, o Poder Legislativo de Jauru revogou a Lei nº 895/21 que concedeu Revisão Geral Anual aos servidores e agentes políticos da Câmara Municipal relativo ao exercício financeiro de 2020. O MPMT argumenta que a concessão de reajuste inflacionário a servidores públicos até 31 de dezembro de 2021 está vedada pela Lei Mansueto.


Na notificação o Ministério Público apresentou ainda decisões do Supremo Tribunal Federal , em sede de controle concentrado de constitucionalidade (ADI'S n. 6450,6525, 6442 e 6447), e em pleito reclamatório que determinou a suspensão de entendimentos que autorizavam a concessão de Reajustes Anuais Gerais a servidores públicos (RCL. n. 48.538/PR).


“O descumprimento de decisão judicial do Supremo Tribunal Federal em sede de controle concentrado de constitucionalidade é passível de sanção tanto na esfera endoprocessual (Reclamação Constitucional) quando extraprocessual (esfera da probidade administrativa e/ou crime de responsabilidade)" alertou o Promotor de Justiça Guilherme da Costa.


Além do Poder Legislativo, também foi notificado o chefe do Poder Executivo no tocante à aprovação da lei 892/2021 que concedeu RGA aos servidores do Município, a qual ainda aguarda resposta pelo Poder Executivo Municipal. No âmbito da Promotoria de Justiça, foi instaurado procedimento visando averiguar possível ofensa ao inciso I do artigo 8º da Lei Complementar n. 173 de 2020.


Entre no grupo do Popular Online no WhatsApp e receba notícias em tempo real (CLIQUE AQUI)


FAZER MAIS POR VOCÊ

Prefeitura de Araputanga lançará neste sábado programa “Fazer mais por você”

O programa será iniciado na Comunidade das Botas.


REFORÇO NA SAÚDE

Deputado Dr. Gimenez destina R$ 4,8 milhões para municípios da região oeste

Mais de 60% das emendas parlamentares do deputado estadual Dr. Gimenez ajudarão a reforçar a saúde com a compra de ambulâncias, medicamentos, insumos e veículos


COBRANÇA

Produtor pede ao laticínio Vale do Guaporé de Comodoro pagamento de leite que está atrasado

A empresa de laticínio Vale do Guaporé, localizada no município de Comodoro (a 640 km de Cuiabá),  está provocando prejuízo financeiro a produtores de leite que comercializam sua produção de leite com a empresa.Recentemente a mesma assinou um termo de acordo e entregou um de seus caminhões para garantir o pagamento em atraso à 29 produtores de leite de Jauru...

Ver mais

O que é Urgente, não pode esperar! Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba alertas de notícias.