logo

DIREITOS

Lei que altera definição do crime de denunciação caluniosa é sancionada


img

Divulgação Internet

O presidente Jair Bolsonaro sancionou a lei que altera as possibilidades previstas o Código Penal em que uma pessoa pode ser responsabilizada por denúncias caluniosas contra pessoas sabidamente inocentes.


A lei está publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira (21).
 

Leia também:
Araputanga é beneficiada pelo Programa de Formação de Advogados Trabalhistas da JBS



A lei teve origem em projeto de lei apresentado pelo líder do PP na Câmara, deputado Arthur Lira (AL). O projeto foi alvo de polêmica no Congresso.


Com a mudança, a denúncia caluniosa precisará gerar um inquérito policial, e não uma mera investigação, para causar punição. Até então, o Código Penal punia quem denunciava uma pessoa por crime e provocava uma investigação policial mesmo sabendo que o denunciado é inocente.


FAZER MAIS POR VOCÊ

Prefeitura de Araputanga lançará neste sábado programa “Fazer mais por você”

O programa será iniciado na Comunidade das Botas.


REFORÇO NA SAÚDE

Deputado Dr. Gimenez destina R$ 4,8 milhões para municípios da região oeste

Mais de 60% das emendas parlamentares do deputado estadual Dr. Gimenez ajudarão a reforçar a saúde com a compra de ambulâncias, medicamentos, insumos e veículos


COBRANÇA

Produtor pede ao laticínio Vale do Guaporé de Comodoro pagamento de leite que está atrasado

A empresa de laticínio Vale do Guaporé, localizada no município de Comodoro (a 640 km de Cuiabá),  está provocando prejuízo financeiro a produtores de leite que comercializam sua produção de leite com a empresa.Recentemente a mesma assinou um termo de acordo e entregou um de seus caminhões para garantir o pagamento em atraso à 29 produtores de leite de Jauru...

Ver mais

O que é Urgente, não pode esperar! Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba alertas de notícias.